O que são e como funcionam os arquivos de remessa e retorno?

Atualizado 7 months ago por Matheus Gonçalves

Os arquivos Remessa e Retorno são utilizados para a troca de informações entre o Boleto Simples e o seu banco. A troca destes arquivos entre os sistemas permite que as informações de emissão, registro, pagamento, vencimento e outras estejam sempre sincronizadas e atualizadas.

O envio do arquivo Remessa ao banco é obrigatório para todos os boletos com registro. Caso o arquivo não seja enviado, os boletos não serão registrados e o banco poderá recusar o seu recebimento ou cobrar uma multa do recebedor.

O Boleto Simples trabalha com arquivos Remessa e Retorno, majoritariamente, no formato CNAB400 e possui suporte para o formato CNAB240 para alguns bancos. Esses formatos foram definidos pela Federação Brasileira de Bancos (FEBRABAN).

A troca desses arquivos entre o Boleto Simples e o seu banco, para registro dos boletos, pode ser realizada de duas formas: 

I. Manual

Caso você opte por realizar a troca de forma manual, sempre que emitir um novo boleto no Boleto Simples você deverá gerar um arquivo Remessa, fazer download desse arquivo e anexá-lo no local apropriado em seu Internet Banking. Caso não encontre o referido local em seu Internet Banking, entre em contato com o atendimento do seu banco.

Dependendo do valor dos boletos emitidos e do timing de pagamento do seu cliente, não é necessário gerar uma remessa por boleto. Você pode gerar uma no final da cada dia e enviar ao banco antes das 20:00, horário de Brasília. Esta remessa irá conter todos os boletos emitidos desde a geração da remessa anterior.

Além disso, sempre que precisar verificar se houve alguma atualização no status do boleto, como pagamento, é necessário que você baixe o arquivo Retorno no Internet Banking e anexe-o no Boleto Simples. Desta forma os sistemas estarão sincronizados.

II. Automática (conexão online):

Caso você opte pela troca automática dos arquivos Remessa e Retorno todo este processo será feito diretamente pelo nosso sistema, sem nenhuma intervenção manual.

Para habilitar este recurso é necessário que você gere uma Carta de Autorização dentro de sua conta do Boleto Simples e entregue-a ao seu gerente bancário, nos autorizando a trocar estes arquivos em seu nome. Clique para ver o passo a passo de como gerar a carta

.


Como você avalia esse artigo?